Quem sou eu

Minha foto
Bacharel, Mestre e Doutor em Teologia pela Escola Superior de Teologia (EST). Área de Concentração: Teologia Sistemática. Pesquisador nas áreas de: Estudos Feministas, Teorias de Gênero, Teoria Queer, Masculinidade, Homossexualidade e Diversidade Sexual, na sua relação com Religião e Teologia.

Já que tá todo mundo falando do Félix...

Então o Félix é:
(   ) gay porque pega homens (embora a gente nunca tenha visto)
(   ) rejeitado pelo pai e protegido pela mãe porque é gay ou bissexual e “afetado”
(   ) mau porque é “afetado”
(   ) branco e rico porque é gay ou bissexual
(   ) “afetado” porque é gay ou bissexual e mau
(   ) mau porque é gay ou bissexual e “afetado”
(   ) bissexual porque pega mulheres e homens (embora a gente nunca tenha visto)
(   ) “afetado” porque é rejeitado pelo pai e protegido pela mãe e é heterossexual
(   ) mau porque é gay ou bissexual rejeitado pelo pai e protegido pela mãe e “afetado”
(   ) branco e rico porque é heterossexual e mau
(   ) rejeitado pelo pai e protegido pela mãe porque é branco e rico
(   ) gay ou bissexual porque é rejeitado pelo pai e protegido pela mãe
(   ) heterossexual porque pega mulheres, é casado e a gente nunca viu ele pegando homem
(   ) rejeitado pelo pai e protegido pela mãe porque é mau
(   ) “afetado” porque é gay
(   ) mau porque é heterossexual e “afetado”
(   ) branco e rico porque é rejeitado pelo pai e protegido pela mãe
(   ) gay ou bissexual porque é mau
(   ) gay porque é “afetado”
(   ) mau porque é heterossexual rejeitado pelo pai e protegido pela mãe
(   ) rejeitado pelo pai e protegido pela mãe porque é branco e rico
(   ) “afetado” porque é heterossexual rejeitado pelo pai, protegido pela mãe e mau
(   ) branco e rico porque é “afetado”
(   ) gay ou bissexual porque é mau e rejeitado pelo pai e protegido pela mãe
(   ) gay ou bissexual porque é heterossexual rejeitado pelo pai e protegido pela mãe